Sobre Nós

História


Para entender completamente a identidade de James Baroud, precisamos voltar 30 anos. Na época, Tony Partenio já havia percorrido milhares de quilómetros em trilhas. Para ele, as únicas férias que pode se conceder são ao volante do seu 4x4. Como muitos antes dele, estudou primeiro na França, depois partiu para o Cabo Norte e a Islândia, antes de seguir para um destino com que sonhava há muito tempo: Marrocos.

Este país foi uma revelação para ele (desde então, ele voltou quase todos os anos). Depois de alguns acampamentos 'molhados' e difíceis durante uma viagem anterior à Islândia, Tony decidiu se oferecer uma barraca no telhado para mais conforto e para se instalar mais rapidamente no final da etapa no acampamento.

Há trinta anos, existiam no mercado apenas dois tipos de tendas de tenda de tejadilho rígidas: tendas automáticas com tripla abertura, triangular acionadas por cilindros e "manuais" com abertura horizontal acionadas por manivela. No interesse de espaço e conforto, Tony escolheu o mecanismo de abertura manual. Esta primeira experiência com uma tenda no telhado não correu muito bem.

Depois de duas semanas no Marrocos, a barraca travou no meio do caminho (um problema recorrente nesse tipo de barraca). Tony é um bom faz-tudo. Depois de uma boa hora de esforço, conseguiu fechar a barraca, mas não conseguiu mais abri-la e, na última semana no Marrocos, foi forçado a passar todas as noites dentro de seu carro.

Ao retornar, Tony se livrou de sua barraca. Mas ele não parou por aí. Não havia mais nada no mercado? Não importa: ele faria sua própria barraca de tejadilho! Para ele, o conceito era excelente, só precisava ser aprimorado.

França / Portugal, um acordo frutuoso


Da concepção à realização, existe um mundo. Tony tem as ideias, mas carece do know-how e dos meios técnicos. Ele precisa de um plasturgo e de um profissional têxtil. Depois de muita pesquisa, conhece Mário Martins.

Mário é português. Dirige uma pequena empresa de plásticos que também fabrica tendas de festas, bem como tendas de refeitório para o Exército Português, para ONG, mas também para várias comunidades e várias empresas ligadas ao mundo do automobilismo.

Entre o francês e o português, a corrente passa imediatamente; será o início de uma longa amizade e de um entendimento mais do que fecundo. Tony, portanto, criará um negócio com Mario sob o nome de James Baroud. A divisão de tarefas está perfeitamente definida: Tony é responsável pelo design e marketing, enquanto Mario é responsável pela produção e controle de qualidade.


Tony se inspirará no conceito de barraca manual no telhado, começando do zero. No final das contas, o produto é diferente, mesmo que de muito longe possamos observar algumas semelhanças. A montagem é feita com manivela, mas ao contrário de outras tendas manuais a sua tenda possui duas âncoras de abertura. Se um estiver com defeito, o segundo assume. Como resultado, a tenda nunca será bloqueada em sua abertura ou fechamento.

O começo é difícil e o sucesso tomou tempo, mas muitos profissionais confiam em James Baroud e após 5 anos a marca é universalmente conhecida no mundo 4x4.

Os dois cúmplices não permanecem acampados em silêncio em suas realizações. Eles estão constantemente evoluindo sua gama e melhorando seus produtos. Depois de alguns anos, Eles abandonaram o sistema de manivela que achavam muito arcaico e mudou permanentemente para a abertura automática por cilindro.

Aos poucos, as tendas James Baroud vão se firmando no mercado e, depois de aproximadamente vinte anos, se tornaram referência em tendas de tejadilho.

Matriz

Horário de funcionamento:
Segunda à sexta, das 9am às 6pm

Localização
Zona Industrial das Lavagueiras, Aveiro - Portugal Ver mapa

Contactos
Telefone: +351 255 762 197
E-mail: [email protected]

Contactar revendedor Contactar Fábrica